Disciplinas > Requisitos > Conceitos > Rastreabilidade

Tópicos
Conceitos Adicionais:

Orientações Adicionais:



IntroduçãoInício da página

A rastreabilidade é a capacidade de rastrear um elemento do projeto a outros elementos correlatos, especialmente aqueles relacionados a requisitos.  Os elementos do projeto envolvidos em rastreabilidade são chamados de itens de rastreabilidade.  Os itens típicos de rastreabilidade incluem diferentes tipos de requisitos, elementos de modelo de design e de análise, artefatos de testes (conjuntos de testes, casos de teste, etc.) e material de treinamento e documentação de suporte a usuário final, como é mostrado na figura abaixo.

A hierarquia da rastreabilidade.

Cada item de rastreabilidade possui seu próprio conjunto exclusivo de atributos associados, que é útil para rastrear o status, benefício ou risco associado a cada item.

Finalidade da Rastreabilidade Início da página

A finalidade de estabelecer rastreabilidade é ajudar a:

  • Compreender a origem dos requisitos
  • Gerenciar o escopo do projeto
  • Gerenciar mudanças nos requisitos
  • Avaliar o impacto no projeto da mudança em um requisito
  • Avaliar o impacto da falha de um teste nos requisitos (isto é, se o teste falhar, talvez o requisito não seja atendido)
  • Verificar se todos os requisitos do sistema são desempenhados pela implementação
  • Verificar se o aplicativo faz apenas o que era esperado que ele fizesse.

A rastreabilidade o ajuda a compreender e gerenciar como as informações fornecidas sobre os requisitos, como Regras de Negócios e Solicitações dos Principais Envolvidos, são convertidas em um conjunto de necessidades-chave dos envolvidos/usuários e características do sistema, conforme especificado no documento de visão. O modelo de Casos de Uso, por sua vez, descreve como essas características são convertidas na funcionalidade do sistema. Os detalhes de como o sistema interage com o mundo externo são capturados nos Casos de Uso, com outros requisitos importantes (como requisitos não funcionais, restrições de design, etc.) nas Especificações Suplementares. A rastreabilidade também lhe permite acompanhar como essas especificações detalhadas são traduzidas em um design, como elas são testadas e como elas são documentadas para o usuário. No caso de um sistema grande, os casos de uso e as Especificações Suplementares podem ser reunidos para definir uma Especificação de Requisitos de Software (SRS) para uma "característica" particular ou outros agrupamentos de subsistemas.

Um conceito-chave para ajudar a gerenciar mudanças nos requisitos é o de um vínculo de rastreabilidade "suspeito". Quando um requisito (ou outro item de rastreabilidade) muda em qualquer extremidade do vínculo de rastreabilidade, todos os vínculos associados àquele requisito são marcados como "suspeitos". Isso é uma marca para que o papel responsável analise a mudança e determine se os itens associados precisarão mudar também. Esse conceito também ajuda a analisar o impacto de mudanças potenciais.

As rastreabilidades podem ser configuradas para ajudar a responder o seguinte conjunto de questões de exemplo:

  • Mostre-me as necessidades dos usuários que não foram vinculadas a características do produto.
  • Mostre-me o status dos testes em todos os casos de uso na interação #n.
  • Mostre-me todos os requisitos suplementares vinculados a testes que possuem status não testado.
  • Mostre-me os resultados de todos os testes que falharam, em ordem de importância.
  • Mostre-me as características programadas para este lançamento, quais necessidades de usuários elas satisfazem e o status delas.

Exemplo:

Para o sistema de uma Máquina de Reciclagem, o documento de visão especifica a seguinte característica:

  • CARACT10:A máquina de reciclagem permitirá a adição de novos tipos de recipientes.

Essa característica é rastreada para um caso de uso "Adicionar Novo Tipo de Recipiente":

  • O caso de uso Adicionar Novo Tipo de Recipiente permite que o Operador ensine à Máquina de Reciclagem reconhecer novos modelos de recipientes.

Essa rastreabilidade nos ajuda a verificar se todos as características foram contempladas nos casos de uso e nas especificações suplementares.

Rastreabilidade TípicaInício da página

Os itens de rastreabilidade mais importantes são:

Necessidades dos Usuários/Envolvidos (da Visão, podem ser rastreados para Solicitações dos Principais Envolvidos individuais)
Característica do Produto (da Visão
Requisitos Suplementares (das Especificações Suplementares
Caso de Uso
Seção de Caso de Uso (seções de um caso de uso detalhado)
Elemento de Design (do modelo de design)
Conjunto de Testes (ou potencialmente Caso de Teste)

Também pode ser útil rastrear outros elementos, como Regras de Negócios e Problemas.

Uma rastreabilidade típica é mostrada no diagrama abaixo:

Esse diagrama só mostra a rastreabilidade para requisitos.  Podem existir também outras rastreabilidades, mas elas não são mostradas nesse diagrama: elementos de design rastreiam para componentes da implementação, existem casos de teste para design e implementação, etc. 



Copyright  (c) 1987 - 2001 Rational Software Corporation


Exibir o Rational Unified Process usando quadros

Rational Unified Process